Saltar os Menus

Notícias

18 de Julho de 2019

CASTELO DE PAIVA. Notáveis da Minha Terra!

O Arquivo Distrital de Aveiro – ADAVR dedica o mês de julho às personalidades, figuras públicas, notáveis do concelho de Castelo de Paiva.

Desde o 1ª Conde de Castelo de Paiva, Martinho José Pinto de Meneses e Sousa Melo de Almeida Correia de Miranda Montenegro Pamplona de Vasconcelos Pereira de Bulhões, ao primeiro ministro da Justiça do Brasil, Caetano Pinto de Miranda Montenegro, selecionamos 17 personalidade do concelho de Castelo de Paiva de entre as milhares que celebra ao longo da sua história.

“Castelo de Paiva é uma faixa de terra caprichosamente recortada entre as províncias da Beira e do Douro e por isso participa das belezas naturais dessas duas tão lindas e cantadas regiões”


 

“Situado a escassos 45 quilómetros da cidade do Porto, o concelho de Castelo de Paiva é o mais distante da sede do distrito a que pertence (Aveiro), estendendo-se desde os limites de Arouca até ao Rio Douro, entre os concelhos de Cinfães, Gondomar e Santa Maria da Feira.

O município paivense é uma faixa de terra caprichosamente recortada entre as províncias da Beira e do Douro Litoral e, por isso, partilha das belezas desta encantadoras regiões.

O Concelho tem uma superfície de 109 quilómetros quadrados, uma população que ronda os 17 mil habitantes e está integrado na Diocese do Porto. Tradicionalmente rural, foi no passado marcado pela exploração carbonífera do Pejão.” in http://www.cm-castelo-paiva.pt/pt/municipio


Nº de ordem Nome Notas Soltas Tipologia de documento Data do documento Código de referência do documento
1 Martinho José Pinto de Meneses e Sousa Melo de Almeida Correia de Miranada Montenegro Pamplona de Vasconcelos Pereira de Bulhões 1º Conde de Castelo de Paiva; foi Par do Reino, Filantropo e Benemérito. Curso Superior de Agricultura, presidente da Câmara de Castelo de Paiva, governador civil de Aveiro. Responsável por obras emblemáticas em Castelo de Paiva como a rede de estradas e pontes de Entre-os-Rios, Caninhas, Bateira, Pedorido e Ponte D’Arda; a construção dos edifícios da Câmara e dos Correios. Provedor da Santa Casa da Misericórdia do Porto entre 1883-1884. Assento de batismo 12-09-1848 PT/ADAVR/PCPV09/1/9 folhas 112v
2 António da Costa Paiva 1º Barão de Castelo de Paiva, médico, botânico, professor e 1º. Diretor do Jardim Botânico distinguido com diversos títulos e cargos honoríficos, Cavaleiro da Ordem de Cristo e da Ordem de Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa. Legou parte da sua fortuna a hospitais, instituições de caridade e a associações científicas e culturais e estabelecimentos de ensino. Assento de casamento dos pais
09-04-1804
PT-ADPRT-PRQ-PPRT14-002-0026 fol 13
3 Jean Tyssen – Jean Jules Joseph Hubert Tyssen Industrial; Banqueiro; Filantropo e Humanista. Adquiriu em 1933 o Couto Mineiro do Pejão pela Empresa Carbonífera do Douro Lda, restituindo o prestígio e o seu grande desenvolvimento empresarial mas também de infra-estruturas, ao nível social e cultural: Banda de Pejão, O Centro de Ação Social (Hospital de Oliveira de Adra), etc… Informação da PIDE sobre o cidadão belga Jean Jules Joseph Tyssen 12-04-1946 PT/TT/AOS/D-G/8/4/37
4 Alexandre da Silva Moreira Aranha Furtado de Mendonça Licenciado em Engenharia Agronómica. Membro do Instituto Agrícola de Toulouse. Industrial de Laticínios. Vogal da Junta Nacional dos Produtos Pecuários, presidente da secção dos latícinios da Associação Industrial Portuguesa, presidente do Grémio Nacional dos Industriais de Laticínios , gerente da leitaria da Quinta do Paço, vogal e presidente da comissão concelhia da União Nacional. Foi nomeado Presidente da Câmara Municipal de Paços de Ferreira, distrito do Porto. Deputado à Assembleia Nacional, 1953, Procurador à Câmara Corporativa, 1957, 1961, 1965,1969. Assento de batismo 12-11-1899 PT/ADAVR/PCPV09/1/17; Fls. 16v
5 António Gonçalves de Faria Licenciado em Engenharia de Minas. Diretor da Empresa Carbonífera do Douro. Presidente da comissão concelhia da União Nacional. Foi nomeado Presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva. Deputado à Assembleia Nacional, 1961. Comendador da Ordem de Mérito Agrícola e Industrial. Estatutos do Sporting Club Paivense – Fundo do Governo Civil de Aveiro 31-07-1952 PT/SGMAI/GCAVR/H-B/001/00070
6 João Salema de Sousa Abreu Gouveia e Faria de Carvalho Pereira Político; Maçon; Proprietário agrícola; Formado em Filosofia pela Universidade de Coimbra, proprietário e agricultor, foi Governador Civil de Aveiro, em 1914, e de Leiria, de 1915 a 1917, e Deputado eleito pelo círculo de Oliveira de Azeméis, nas listas do Partido Democrático. Assento de perfilhação 19-07-1894 PT/ADAVR/PCPV01/1/29 Fls.11v
7 Caetano Pinto de Miranda Montenegro Doutor em Direito pela Universidade de Coimbra; Intendente do Ouro no Rio de Janeiro (1791-1798); governou as Capitanias de Mato Grosso e Pernambuco. Desembargador do Paço, tendo se aposentado como Presidente da Mesa. Com passagem pelo Juizado da Alfândega. Fundou o Ministério da Justiça. Foi de carreira militar. Permaneceu como Ministro da Fazenda por alguns meses. Quando faleceu era Senador por Mato Grosso. Assento de batismo 22-12-1758 PT-ADAVR-PCPV09-1-4 fls. 94 e 94v.
8 Abel Moreira da Fonseca Professor; Pedagogo; conhecido como o ” Professor de Nojões”; proprietário agrícola; Assento de batismo 10-02-1868 PT/ADAVR/PCPV06/1/10; Fls. 122v e 123
9 Octávio Lixa Felgueiras Professor; Investigador; Maçon; Rotário; Licenciado em Arquitetura na escola Superior de Belas Artes do Porto com 20 valores. Mentor da Arqueologia Subaquática em Portugal, uma das personalidades mais intensas da cultura Portuguesa do séc. XX. Sócio do Rotary Club de Castelo de Paiva desde 1983. Foto de Castelo de Paiva (aldeia): miradouro [de Chelo: vista na direção da aldeia de Castelo de Paiva (aldeia) e do monte de Arados]
Centro Português de Fotografia
11-1953 PT-CPF-OLF-0002-000026_m0001
10 Manuel Caetano de Oliveira Industrial; Político, Maçon; Rotário. Emigrou jovem para o Brasil onde fez fortuna. Membro do Senado da Câmara Municipal do Porto entre 1913-1918, tendo estado envolvido no lançamento dos projetos da Avenida e dos Paços do Concelho. Vereador da Câmara Municipal do Porto entre 1919-1923. Agraciado com a Comenda de Mérito Agrícola e Industrial. Escritura de Compra da Quinta da Eirinha em Fornos por Manuel Caetano de Oliveira a Francisco Caetano de Oliveira 19-01-1903 PT/ADAVR/NOT/CNCPV/001/0220, fl.16 a 17v.
11 Manuel Afonso da Silva Fundador do Jornal TVS – Terras do Vale do Sousa, da Rádio Paivense FM e da Gráfica Paivense; Defensor de causa sociais e humanitárias foi um dos fundadores da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Castelo de Paiva da Associação Industrial Escritura de constituição da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Castelo de Paiva 11-01-1982 PT/ADAVR/GCVCAR/H-B/001/03614
12 Augusto Soares de Azevedo Barbosa de Pinho Leal Militar e Historiador, autor da monumental obra corográfica: «Portugal Antigo e Moderno», em 12 volumes. Apesar de não ser natural do concelho de Castelo de Paiva, Pinho Leal, que como poucos conhecia geologicamente o país e muito se dedicava ao estudo de minas, descobriu os jazigos de carvão de Castelo de Paiva – Monte das Cavadinhas, Portaria de 22 de dezembro de 1859. Assento de casamento 26-09-1839 PT/ADAVR/PVFR22/2/7; fólio 186v
13 Teófilo Maria Seabra Diretor da Casa do Douro, Presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva (1965-1974), Administrador da Real Companhia Velha. Assento de batismo 05-02-1892 PT/ADAVR/PCPV04/1/28 Fls.3
14 Alfredo Vieira Guedes Empreendedor; benemérito no apoio a diversas iniciativas populares da área da saúde como o Hospital da Misericórdia, do ensino como o Externato Alfredo Vieira Guedes entre outras. Proprietário da fábrica de papel da Foz do Ribeiro provavelmente a empresa paivense mais antiga. Assento de batismo 10-12-1884 PT/ADAVR/PCP05/1/20 Fls. 3
15 Sebastião D’Oliveira Damas Filantropo e Benemérito, emigrou para o Brasil onde fez fortuna na construção dos caminhos de ferro; Empreiteiro responsável pela construção da estrada de ferro Campos do Jordão no Brasil onde é uma das figuras históricas. Assento de batismo 01-09-1866 PT/ADAVR/PCPV08/1/7 Fls. 4 e 4v
16 José Martinho de Arrochela Pinto de Lencastre Ferrão 3º Conde de Arrochela e de Castelo de Paiva. Presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva 1944-1949. Deixou em testamento a Casa da Boavista eu Município de Castelo de Paiva para criação da Casa Museu Conde de Castelo de Paiva. Ofício com os resultados das eleições presidenciais de 1949 em Castelo de Paiva 14-02-1949 PT/ADAVR/GCVCAR/L-A/002/0003
17 Adriano Strech de Vasconcelos Tenente-Coronel; Ilustre Homem das letras e artes, autor de algumas obras literárias notáveis, entre as quais “Lendas e Tradições de Castelo de Paiva”. Assento de batismo 21-03-1867 PT/ADAVR/PCPV09/1/10 Fls. 111 e 111v
Esta notícia foi publicada em 18 de Julho de 2019 e foi arquivada em: ADAVR, Documento em destaque, Geral.

Arquivo Distrital de Aveiro