Saltar os Menus

Notícias

13 de Novembro de 2018

DOCUMENTO EM DESTAQUE – mês de novembro

O documento em destaque, no mês de Novembro de 2018, referencia a Fábrica de papel de Valmaior sediada no concelho de Albergaria-a-Velha.
Esta foi a segunda empresa industrial a surgir e às suas instalações é que se pode verdadeiramente dar o nome de primeira fábrica do concelho.
Tendo-se apercebido de que a produção de papel não supria as necessidades do consumo no país, nem em quantidade, nem em qualidade, os dois irmãos [José Luiz e Manuel Luiz Ferreira Tavares] decidiram lançar-se na construção de uma fábrica bem localizada, bem concebida e tecnicamente avançada.
Até então, a indústria papeleira apresentava-se rudimentar utilizando o trapo de algodão e de linho como matéria prima. Face à escassez da produção de papel na altura, estes dois empresários constituíram em 1872 uma sociedade com o Eng. Thelier, jovem técnico francês, nascido numa família de técnicos da indústria de papel de Angoulême.
Instalou-se nela, a mais moderna maquinaria, igual ou melhor à da Europa, e optou-se por um local estrategicamente situado entre as margens do Rio Caima e muito perto da Freguesia de Valmaior e Albergaria-a-Velha, aliando o facto de existirem estradas razoáveis onde a distribuição da matéria-prima era rápida e satisfatória, e onde os concelhos mais florestados se ligavam entre si.
Desta forma, não se aproveitava somente a água do Rio Caima para lavagem das pastas de papel como existia a facilidade do transporte a zonas densamente florestadas.
Começou-se, então, a fabricação do papel com caruma e serradura de pinheiro como matéria-prima, abundante na zona.
A 5 de Dezembro de 1872,os Albergarienses irmãos Ferreira Tavares erguem e constituem e uma Sociedade Comercial com o Engº Jean Baptiste Lucien Tellier, natural de Angoulême, França, a residir já a algum tempo em Valmaior, escritura lavrada pelo tabelião João Marques Pires de Miranda.

Esmeraldina Martins
ADAVR | Técnica Superior

Fontes:
Livro de escrituras do notário João Marques Pires de Miranda, nº 69-18, folhas 18 e 19, da comarca de Albergaria-a-Velha – PT/ADAVR/NOT/CNALB1/001/0018.

Referências Bibliográficas:
Rodrigues, Manuel Ferreira – Empresas e empresários das indústrias transformadoras, na sub-região da Ria de Aveiro, 1864-1931. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 2010. 733 p. ISBN 978-972-31-1322-8 Ferreira, Delfim Bismark – Valmaior ao Longo dos Séculos. Albergaria-a-Velha: Junta de Freguesia de Valmaior, 2005. 358 p. Depósito Legal: 232677/05
https://www.jf-albergaria.pt/home/historiavalmaior/

Esta notícia foi publicada em 13 de Novembro de 2018 e foi arquivada em: ADAVR, Documento em destaque, Geral.

Arquivo Distrital de Aveiro